Novo presidente da Câmara Setorial do Açúcar e do Álcool defende maior interlocução com o Governo 

Portaria do Consagro publicada na última semana no Diário Oficial da União nomeou André Rocha como novo Presidente da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Açúcar e do Álcool (CSAA), órgão ligado ao Ministério da Agricultura (MAPA).

Em entrevista à Agência UDOP de Notícias, André Rocha afirmou que continuará fazendo da Câmara Setorial uma ponte importante com o MAPA. “Precisamos levar a sociedade como um todo para conhecer as nossas unidades, verificar a tecnologia implantada no campo e nas indústrias, quebrar preconceitos existentes com o setor, etc. Acredito que podemos servir como um ponto de convergência dos nossos principais institutos de pesquisa no setor (CTC, IAC e RIDESA) e promover a interação dos mesmos com a Embrapa”.

Para André, ainda, o importante é somar forças políticas e usar todos os instrumentos possíveis para garantir os resultados para toda a cadeia produtiva e para o País. “O setor melhorou muito sua comunicação com o Governo e os outros Ministérios, mas precisa estreitar mais o seu contato com o MAPA, assim como com a CNA também”, afirmou o novo presidente da Câmara Setorial.

Discutir a adoção de políticas públicas duradouras para o setor será, na visão de André Rocha, uma importante bandeira de sua gestão junto ao MAPA e o Ministério de Minas e Energia, outro importante elo do setor. “Mas não pode ser uma política discutida com apenas um Ministério. Deve ser mais do que uma política de Governo, voltar a ser uma Política de Estado (como foi o PróAlcool). Temos que centralizar as ações, falar a mesma linguagem e buscar os resultados para toda a cadeia produtiva e para o País”, destacou.

André Rocha, que também preside o Fórum Nacional Sucroenergético, já tomou posse à frente da Câmara, substituindo Ismael Perina Júnior. Pelas regras adotadas pelos membros da Câmara, a presidência é alternada, a cada dois anos, por representantes dos dois principais elos que a compõem: fornecedores de cana e representantes das usinas.

A Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Açúcar e do Álcool foi instalada em 26 de maio de 2003, pelo então Ministro da Agricultura Roberto Rodrigues, tendo como missão atuar como foro consultivo na identificação de oportunidades ao desenvolvimento das cadeias produtivas, articulando agentes públicos e privados, definindo ações prioritárias de interesse comum, visando à atuação sistêmica e integrada dos diferentes segmentos produtivos.

Udop