Sifaeg e Fórum Nacional Sucroenergético comentam aprovação do RenovaBio

“O RenovaBio é uma vitória maiúscula de toda a cadeia produtiva dos biocombustíveis no Brasil”. A afirmação é do presidente do Fórum Nacional Sucroenergético e presidente-executivo do Sifaeg, sindicato dos produtores de etanol de Goiás, André Rocha, ao comentar a aprovação do Programa pelo Senado Federal. O executivo disse ainda que com a vigência do RenovaBio o país terá um tempo novo para o setor de biocombustíveis. “Acreditamos que este novo tempo será marcado pela modernidade, inovação, previsibilidade, sustentabilidade e segurança que serão traduzidos na interiorização do desenvolvimento, no retorno de investimentos e na geração de emprego e renda”, acrescentou.

O PLC 160/2017, que dispõe sobre a Política Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio) é de autoria do deputado federal Evandro Gussi (PV-SP) e já havia sido aprovado pela Câmara dos Deputados no final de novembro. Nas duas casas legislativas a tramitação foi em Regime de Urgência. A matéria agora vai à sanção do presidente Michel Temer.

O RenovaBio é um programa de incentivo à produção de biocombustíveis que foi lançado pelo Ministério de Minas e Energia (MME) em dezembro de 2016. O Programa visa a descarbonização da matriz de transporte, com o aumento da produção e consumo dos combustíveis limpos e renováveis, como o etanol, biodiesel, biogás e bioquerosene de aviação.